História do Campismo Imprimir e-mail
historia_camp_1.jpg
Desde a antiguidade o homem utiliza tendas para se abrigar procurando proteção de perigos externos e intempéries. As operações de ordens militares da idade média utilizavam os acampamentos e seus comandantes e generais consideravam a prática essencial para o sucesso das batalhas.

A arte de acampar foi descrita com aperfeiçoamento pelos romanos. Políbio, um historiador grego que viveu entre 205 a.C. e 120 a.C., descreveu a sistemática e a arquitetura de um desses acampamentos. Após a escolha de um local militarmente adequado, erguia-se o Fosso e a Paliçada em torno deste local, por questões óbvias de segurança. A organização do acampamento completava-se com a armação da grande tenda do Cônsul ou do Imperador e das barracas dos generais, sacerdotes, servos e demais integrantes do grupo. Este conjunto central era chamado de Pretório. O trânsito e a circulação no interior do acampamento eram organizados através das vias que cortavam o mesmo. Estas eram chamadas de Via Principalis, Via Praetoria e Via Quintana.

Desde a antiguidade até os dias de hoje os povos ainda dependem de tendas ou barracas de fibras vegetais, couro animal ou de tecido para sobreviver.

Por volta do ano de 1860 o casal Gumn promoveu o primeiro acampamento educativo, começando uma essência não militar do campismo. Estes acampamentos são frequentes até aos dias de hoje, principalmente na América do Norte, mas na maioria das vezes, são abrigados em chalés de madeira e não em barracas ou tendas.

Foi na Inglaterra, alguns anos mais tarde, mais precisamente em 1908, que nasceu o primeiro clube de campismo do mundo: O Camping Club of Great Britain and Ireland.

O escotismo nasceu em 1908, pelo General Robert Stepherson Smyth Baden Powell. Esta prática espalhou-se pela Europa que desenvolveu o campismo, principalmente após a primeira grande guerra mundial.

Quando os grandes centros industriais e urbanos começaram a interferir na tranquilidade das pessoas, devido à poluição, alta contingência e outros fatores, é que o campismo começou a ganhar a sua essência turística de lazer. Até hoje, o turismo é também uma forma de fuga para as famílias do caos urbano e o campismo é a atividade que mais oferece um contato com a natureza.

O crescimento do campismo no mundo levou à criação de diversas associações, sendo a mais conhecida a Federação Internacional de Campismo e Caravanismo (FICC) [www.ficc.org] com sede na Bélgica.

Fonte: “macamp.com”
Histórico do Campismo- MaCamp




 

Parcerias

Pesquisar

Novos Utilizadores
RegistoRegiste-se e tenha acesso a conteúdos exclusivos para sóciosFormulario de novo registo
 

Agenda (Act.Gerais)

Agenda
Arquivo
< Setembro 2021 >
S T Q Q S S D
30 31 1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 1 2 3
Nenhum evento